sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

GIBIS ANTIGOS (CLASSIC COMICS) - ÁGUIA NEGRA (SIR FALCON) Nº 68 - 1964 RIO GRÁFICA EDITORA (RGE) / FREW PUBLICATIONS PTY LIMITED / AUSTRALIA


ÁGUIA NEGRA (SIR FALCON) Nº 68 - 1964 RIO GRÁFICA EDITORA (RGE) / FREW PUBLICATIONS PTY LIMITED / AUSTRALIA / Em 1954, a editora australiana Frew Publications (que publica O Fantasma até os dias atuais) lançou Sir Falcon, o personagem possuía os mesmos conceitos do Fantasma, o legado do herói era passado de pai para filho, a diferença, é que a tradição de Sir Falcon datava dos tempos da Idade Média e sua base de operações era um castelo medieval. quando veio para o Brasil para ser publicado seus quadrinhos, ele recebeu o nome de Águia Negra. também  nos anos 50, a década de 60 e 70, Águia Negra obteve muito sucesso junto aos leitores brasileiros, heróis mascarados, a televisão e os quadrinhos repletos de heróis e super-heróis, Águia Negra se encaixou firmemente no propósito de entreter e divertir a todos. Criado por Peter Chapman, sua história começa na Idade Média, quando um nobre inglês retorna da guerra e encontra toda sua família morta e seu castelo queimado. Adotando a águia do brasão de sua família como símbolo, ele inicia uma cruzada contra o crime e a injustiça, se tornando Sir Falcon (Águia Negra).  Nos 600 anos que se seguem, a missão de lutar contra o mal é passada de pai para filho que se vestem como cavaleiros medievais como o primeiro. Todos pensam tratar-se do mesmo homem, assim a lenda do cavaleiro imortal cresce em todo mundo. Em terras brasileiras, o personagem foi publicado pela Rio Gráfica Editora (RGE), e tinha como personagem secundário que aparecia sempre nas edições, o misterioso "O Sombra". Com 115 edições mensais, além de alguns exemplares extras ou especiais, os mais aguardados eram os famosos almanaques de fim de ano, totalizando 12 edições tendo inicio em 1956, terminando em 1967.








F  I  M