domingo, 10 de abril de 2016

SÉRIES ANTIGAS DA TV (CLASSIC TV SHOWS) - ARQUIVO CONFIDENCIAL (THE ROCKFORD FILES) - 1974 JAMES GARNER


ATENÇÃO: CLIQUE NO LINK TEXTO EM AZUL CLARO LOGO ABAIXO, E ASSISTA UM TRECHO E ABERTURA DA SÉRIE ARQUIVO CONFIDENCIAL COM JAMES GARNER, APRESENTANDO A DUBLAGEM ANTIGA DA ÉPOCA. 

ARQUIVO CONFIDENCIAL - TRECHO E ABERTURA COM A DUBLAGEM ANTIGA
(DAILYMOTION)




ARQUIVO CONFIDENCIAL (THE ROCKFORD FILES) - 1974 JAMES GARNER / Uma criação de Stephen J. Cannell e Roy Huggins e produção de 1974, com 122 episódios de 50 minutos de duração em 6 anos de produção, mais 8 telefilmes, esta bem sucedida série para a televisão, trouxe o ator James Garner no papel do personagem Jim Rockford, que após cumprir cinco anos na prisão de San Quentin, por um assalto que não cometeu, acaba recebendo o perdão do juiz, e começa a trabalhar como investigador particular para ganhar a vida. Na dublagem brasileira, Márcio Seixas emprestou magnificamente sua voz ao personagem Jim Rockford. Com sua malandragem e seu senso de humor que é a marca registrada na série, ele faz de tudo para evitar confusão com a polícia diretamente, evitando também, as brigas agressivas, tentando sempre usar de seu maior atributo, a boa conversa aliada ao argumento para sair de encrencas. Sua especialidade são os casos encerrados, de pouca notoriedade. Seu escritório, bem como seu lar, é um velho trailer em Malibu, na Califórnia. E sua bela secretária, não passa de uma secretária eletrônica que reabre os casos que ele pretende resolver após ouvir as mensagens, que alías, é o ponto inicial de cada episódio, seguido da trilha sonora magnifica de Mike Post e Pete Carpenter (co-compositor), permaneceu durante 44 semanas nas paradas de sucesso do Billboard Hot 100 e recebeu um prêmio Grammy por melhor arranjo musical. 


Evitar confusão em uma série policial é praticamente impossível, por isso é bom ter um parceiro policial para os momentos ruíns para dar cobertura, Dennis Becker (Joe Santos), que a todo instante se irrita em ter que ir contra as regras ao utilizar os bancos de dados da polícia de Los Angeles para lhe fornecer informações, especialmente quando essa ajuda significa um passo a menos rumo a uma promoção. Afinal, sua conexão com um ex-condenado não é vista com bons olhos no departamento. Para sorte de Jim, a amizade entre eles, sempre acaba prevalecendo. Outra pessoa ao lado de Jim é sua amiga Elizabeth Davenport (Gretchen Corbett), uma advogada. A atriz participou até a quarta temporada da série, que devido um desentendimento com a Universal Television, acabou saindo para dar lugar a Kathryn Harrold, que interpretava a psiquiatra cega Megan Dougherty. Como todo bom detetive, que se preze, Jim tem um informante, ou quase isso, seu antigo companheiro de cela Evelyn Martin, conhecido como Angel (Stuart Margolin). Na verdade, ele consegue arrumar mais confusão do que informações, assim mesmo é um dos melhores amigos de Jim. Outro personagem frequente na série, é o pai de Jim, Joseph Rockford (Noah Beery Jr.), cujo apelido é Rock, que aparece em vários episódios pescando ou assistindo TV. No elenco da série, havia ainda, os personagens Jim Luisi (Tenente Doug Chapman), Tom Atkins (Tenente Alex) e Bo Hopkins (John Cooper), um advogado amigo. Na década de 90, 8 telefilmes foram produzidos trazendo o personagem de volta. 


F  I  M