quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

GIBIS ANTIGOS (CLASSIC COMICS) - CINEMIN Nº 99 (ONDE COMEÇA O INFERNO / RIO BRAVO) - 1959 EBAL / JOHN WAYNE / DEAN MARTIN / RICK NELSON


CINEMIN Nº 99 (ONDE COMEÇA O INFERNO / RIO BRAVO) - 1959 EBAL / Uma adaptação para os quadrinhos deste clássico filme de Howard Hawks que produziu e dirigiu, e com somente 36 páginas para o leitor acompanhar, esta é a 1ª série de Cinemin publicada no Brasil pela Editora Brasil-América, que teve um total de 100 edições mensais. John T. Chance (John Wayne) é o xerife de uma pequena cidade do Texas chamada Presidio, que tem como auxiliar um idoso e aleijado ex-sitiante. Ele tinha outro auxiliar, um ex-pistoleiro conhecido por "Dude" (Dean Martin), mas este se tornara um bêbado depois que fora abandonado por uma mulher, há dois anos. Quando Dude arruma uma briga no bar com o pistoleiro Joe Burdette, o xerife tenta ajudá-lo mas é golpeado pelo transtornado Dude. Logo a seguir, Joe mata um homem que estava desarmado e vai para outro bar, onde estavam seus amigos. O xerife se recupera e vai atrás de Joe. Consegue prendê-lo com a ajuda de Dude. 


O xerife agradece a ele, oferecendo-lhe de volta o cargo de auxiliar. No entanto, o xerife e seus agora dois auxiliares sabem que correm perigo, pois Joe é irmão de Nathan, um poderoso rancheiro da região, que controla a cidade e possui inúmeros pistoleiros a seu serviço. Nathan fará tudo para livrar Joe da forca. Outras pessoas oferecem ajuda ao xerife, que se nega a aceitar. Um deles, Pat Wheeler, tenta arregimentar homens para ajudar o xerife, inclusive pedindo a um vaqueiro seu, conhecido por "Colorado" Ryan (Rick Nelson), que se recusa, pois não quer encrencas. Logo depois Pat é morto no meio da rua, fazendo com que o xerife retroceda a sua decisão de não aceitar ajuda de mais ninguém. Além de Dean Martin, o filme conta ainda com o cantor e ídolo da juventude americana da época, Ricky Nelson, que chega a fazer um dueto com Martin. Nathan pede a músicos de um bar que cantem a canção mexicana conhecida por "De Guella" (Degola), que teria sido ouvida no cerco do Álamo, tocada por ordem do general mexicano Santa Anna. 


No filme dirigido por John Wayne no ano seguinte, The Alamo (1960) (1960), a canção abre os créditos. O diretor Hawks faria mais dois filmes nos anos seguintes, com histórias e cenas parecidas com as de Rio Bravo. O primeiro, El Dorado (1967), conta a história de um pistoleiro veterano e de um jovem que prefere usar facas, que ajudam um xerife bêbado. No segundo, Rio Lobo (1970), ex-soldados da União e ex-confederados se encontram no Texas depois da guerra, e enfrentam juntos uma quadrilha de bandoleiros. Rio Bravo é como os mexicanos chamam uma parte do Rio Grande. Em uma lista feita por Quentin Tarantino, Rio Bravo é eleito por ele como um dos "12 melhores filmes de todos os tempos".



F  I  M