quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

POSTERS E FOTOGRAFIAS DE FILMES (POSTERS AND MOVIES PHOTOS) - BARBARELLA (JANE FONDA) 1968


COPRIGHT BY PARAMOUNT PICTURES


POSTERS E FOTOGRAFIAS DE FILMES - BARBARELLA (JANE FONDA) 1968 / Uma produção de 1968, o filme franco-italiano de ficção científica Barbarella, dirigido por Roger Vadim e produzido por Dino de Laurentiis. rodado em dois idiomas, o inglês e o francês, sua estréia ocorreu em 18 de outubro. Na verdade, o filme é uma adaptação dos quadrinhos, criação de Jean Claude Forest sobre uma agente ninfomaníaca, a Barbarella, que viaja pelo universo, de planeta em planeta vivendo aventuras apimentadas e que uma certa dose de erotismo. Mesmo trazendo Jane Fonda como estrela principal do filme, a película não fez o sucesso esperado, ainda mais com um custo de  9 milhões de Dólares, o que para a época, era muito, a bilheteria chegou a arrecadar apenas, 2,5 milhões nos Estados Unidos, naquele ano. 











A Revista dirigida ao público masculino, Penthouse, chamou Jane Fonda para posar nua e vestida como a personagem, já que era uma revista no mesmo molde do filme (erotismo e sensualidade), e da Playboy para a época. Nem esse fato, despertou o interesse ou a atenção pretendida, mesmo com Jane se tornando um símbolo sexual daquele e dos anos a seguir. Eleita entre as 50 mais criativas aberturas cinematográficas, para quem ainda não conhece o filme, esta narrativa certamente despertará sua atenção, pois começa com Barbarella, se despindo de seu traje de astronauta em gravidade zero, flutuando completamente nua, enquanto os créditos do filme, tapam sua nudez. Na realidade, Jane Fonda se despia sobre uma placa de "plexiglass", com a imagem do cenário no fundo, isso pode ser notado aos fãs e cinéfilos que curtem uma "falha nossa" quando ela tira a luva e vemos o reflexo no acrílico. 











Curiosamente, em 1977, quando foi exibido novamente, o filme se tornou "cult", e uma verdadeira adoração pela inovação e psicodelismo, teve inicio, deu inicio a reação dos jovens. Mesmo em sua segunda exibição, devido as imagens contidas no filme, algumas cenas foram cortadas, sendo uma delas, a que seria uma tórrida sedução lésbica entre a Rainha Negra e Barbarella, inclusive em fotos que foram tiradas na época das filmagens, percebe-se a "temperatura elevada" da cena. Na verdade, tudo de Barbarella, o filme, é voltado para o tema do erotismo. O figurino do filme foi desenhado pelo renomado estilista Paco Rabanne, que estava no auge naquela época, por utilizar metal para criar roupas, e além de tudo, o filme refletia os acontecimentos do final da década de 60, como o movimento hippie e a velha filosofia do "faça amor e não faça guerra", adicionando o ingrediente da época da corrida espacial, os ácidos e as drogas, revolução sexual e as pílulas. 




















O próprio tema de abertura do filme, dizia que Barbarella era psicodélica. No cenários, vemos muito acrílico e móveis com formatos antropomórficos. A sinopse, como no inicio deste texto, é fácil de resumir, a astronauta Barbarella, vive no século 40, e é incumbida de capturar o vilão Duran Duran, que criou uma arma que é capaz de destruir o universo, para continuar a manter a paz, já que não existiam mais guerras no futuro. 





























PERSONAGENS E SEUS RESPECTIVOS ATORES E ATRIZES:

Barbarella (Jane Fonda) - Uma agente astronauta, ela tem a função de patrulhar o universo, é muito sensual e usa o sexo para atingir os seus objetivos.

Duran Duran (Millo O´Shea) - Um grande vilão, ele é o braço direito da Rainha Negra de SoGo, inventor do raio positrônico que causa destruição em massa.

Rainha Negra de SoGo (Anita Pallenberg) - Bissexual, seduziu Pygar e tenta o mesmo com Barbarella, governa a cidade com mãos de ferro e adora tortura.

Pygar (John Phillip Law) - Um anjo alienígena, foi cegado pela Rainha Negra, vive no Labirinto de SoGo e ajuda Barbarella quando ela está em perigo.

Dildano (David Hemmings) - É o líder da resistência, pretende destituir a Rainha Negra do poder e libertar os fracos e oprimidos do labirinto de SoGo, auxilia Barbarella e em troca, eles fazem amor usando pílulas de transferência.

Professor Ping (Marcel Marceau) - Um inventor que vive no Labirinto de SoGo, é amigo de Pygar e promete consertar a nave de Barbarella que caiu no planeta 16 de Tau Ceti.

Mark Hand (Ugo Tognazzi) - Um capturador que caça crianças perdidas, ele salva Barbarella da morte e em troca pede para que ela faça amor com ele à moda antiga.

Stomoxys e Glossina ( Marie Therese  e Caterine Chevallier) - as gêmeas são sobrinhas da Rainha Negra, apesar de parecerem adoráveis, são crianças diabólicas que adoram brincar com bonecas assassinas.













F  I  M